O tamanho do roubo

01/07/2019

(Foto: Gazeta do Povo)
(Foto: Gazeta do Povo)

A força tarefa da Lava Jato, no Rio de Janeiro, efetuou a prisão do procurador do estado Renan Saad.

Saad é suspeito de receber R$ 1,265 milhão em pagamentos da Odebrecht para mudar o traçado da expansão do metrô do Rio. As informações são do G1.

As alterações avalizadas por Saad encareceram em mais de 11 vezes o valor da obra. Em 1998, o projeto foi orçado em R$ 880 milhões. A Linha 4 custou aos cofres públicos R$ 9,6 bilhões. 

Esse é só um dos exemplos do que porque há tanta gente contra a Lava Jato. O roubo é muito maior do que a justiça conseguirá apurar e punir.