Indígenas pedem a saída de redentorense da coordenação do D-SEI

27/05/2019

(Foto: Recebia via Whats)
(Foto: Recebia via Whats)

Liderados pelo cacique Carlinho Alfaiate o grupo de indígenas oriundos da Terra Indígena do Guarita chegou em Florianópolis, sede do Distrito Sanitário de Saúde Indígena, com faixas de "FORA GASPAR". O grupo pede a imediata saída do coordenador Gaspar Paschoal, filho do ex-prefeito de Redentora, Adelar Luiz Paschoal.


O grupo alega que Gaspar precisa deixar o cargo por falta de capacidade para administrar a saúde indígena. O cargo é um dos mais importantes dentro do organograma da saúde indígena, uma vez que o distrito atende 4 estados e mais de 60 mil indígenas residentes em 65 municípios.

Saiba mais no Clic Portela